Uso do Sildenafila: Saiba Todos Detalhes Aqui

Se você está insatisfeito com sua atividade sexual, por conta de disfunção erétil, provavelmente já deve ter feito uso do sildenafila. Ele é capaz de tratar a incapacidade de manter uma ereção peniana, que é necessária para um desempenho satisfatório.

O sildenafila é um medicamento que atua aumentando o fluxo sanguíneo no pênis através do relaxamento dos músculos dos vasos sanguíneos desta região. Para os homens ele é indicado para disfunção erétil.

Para as mulheres, o sildenafila funciona para tratar hipertensão pulmonar.

Riscos do uso do sildenafila.

Como a atividade sexual aumenta a exigência do coração trabalhar, o uso pode aumentar o risco de ataques cardíacos no momento do ato sexual, sendo importante uma avaliação médica antes de se iniciar seu uso.

Caso também já tenha alguma patologia prévia, ou comprometimento da condição cardiovascular, seu uso não é recomendado, devendo ser discutido com seu médico antes de iniciar.

Facilidade de comprar.

Esse medicamento pode ser facilmente encontrado em farmácias ou drogarias. Popularmente é conhecido como viagra ou o “remédio azul”.

Deve ser tomado por via oral, preferencialmente antes ou após uma refeição. Só deve ser utilizado por adultos e a dose é de acordo com a indicação médica.

Uso do sildenafila

Efeitos colaterais.

Os efeitos mais comuns são tontura, dor de cabeça, ondas de calor ou sangramento nasal. Caso ocorra qualquer um destes, deve-se interromper o tratamento e sinalizar ao médico que prescreveu a medicação.

Se houver falta de ar, inchaço na boca, urticária ou algum sintoma parecido, deve-se procurar imediatamente um pronto socorro.

O uso deste remédio é indicado sob demanda, ou seja, se utiliza conforme necessário. Então, não haverá problemas se você esquecer de tomá-lo.

Usar apenas se necessário.

O sildenafila é um medicamento e seu uso deve ser feito apenas se for realmente necessário. Ele atua estimulando ereções em homens que sofrem de disfunção erétil, melhorando a circulação sanguínea nos corpos cavernosos do pênis.

Por isso, consegue manter a ereção por mais tempo, deixando o pênis mais rígido para que consiga concluir a penetração sexual.

Assunto ainda é tabu.

Apesar da facilidade das informações na internet, os homens ainda sofrem para falar sobre a disfunção erétil com um profissional de saúde.

Isso é bem ruim, pois faz com que eles recorram a métodos duvidosos de tratamentos, sem as orientações de uso corretas, colocando a sua saúde em risco.

Quando o sildenafila surgiu, foi uma grande válvula de escape para esses homens e eles viram a oportunidade de ter seu problema resolvido sem precisar se expor.

Com isso, algumas consequências podem ocorrer sem que eles saibam o tamanho do risco que estão se expondo.

Uso do sildenafila

Uso deve ser moderado.

Não se deve utilizar o sildenafila em doses muito altas. Como ele acelera a circulação sanguínea, acaba exigindo um pouco mais da condição cardiovascular do organismo.

Desta maneira, você está se colocando em risco, pois não saberá como reagir com as possíveis adversidades.

O ideal é procurar um profissional para que o uso seja direcionado à sua necessidade e assim você possa resolver o problema da disfunção erétil sem se colocar em risco de vida.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.