Alimentos afrodisiacos: Quais são?

Você já deve ter ouvido falar sobre eles, mas você realmente sabe quais são estes alimentos e o que eles realmente fazem? Se não sabe ainda, continue lendo e descubra tudo que esses alimentos são capazes de oferecer.
O Nome afrodisíaco vem de Afrodite, que na mitologia grega era a deusa do Amor, fertilidade e beleza.

Segundo a mitologia, todo o caminho que Afrodite pisava, nascia uma plantinha, sendo a primeira delas a romã, daí associou-se que determinado alimento era afrodisíaco.

Alimentos afrodisiacos

O que são os alimentos afrodisíacos?

São alimentos que possuem mecanismos de ação que variam desde a melhora do humor, como a redução do estresse.
Claro que não podem ser considerados alimentos milagrosos, e muito menos devem ser utilizados como medicamentos, porém se inseridos na alimentação diária, podem ser aliados eficazes em manter a vida sexual mais ativa e saudável.

Por serem alimentos considerados comuns, podem ser facilmente incluídos na sua dieta em variadas formas apresentação.

Como atuam no organismo?

Eles possuem elementos com propriedades estimulantes, assim são capaze de trazer uma agradável sensação e bem estar, estimulando o apetite sexual tantos dos homens quanto das mulheres.
Como a alimentação tem papel qualidade e na saúde, a baixa libido também tem vínculo com a falta de vitaminas e minerais.

Alimentos afrodisiacos

E quais alimentos são considerados afrodisíacos?

Existem diversos alimentos que se encaixam nessa denominação. Abaixo, listarei alguns para ajudar você sodium hora de escolher:

• Chocolate: é considerado afrodisíaco por sua capacidadede produzir hormônios que dão a sensação de prazer ao corpo.
• Gengibre: eleva nos órgãos genitais o fluxo sanguíneo, aumento e estimulando o desejo.
• Mel: atua como estimulante dos hormônios sexuais.
• Morango: comum em ser utilizado  com o chocolate, é muito rico em vitamina C e potássio, ainda é capaz de melhorar o sistema circulatório.
• Alecrim: além de ser estimulante e revigorante, é utilizado também no combate à impotência.

Qual o consumo ideal?

Não existe uma quantidade ideal para consumo que faça com que o efeito do alimento afrodisíaco seja sentido. O que se indica é que seja feito um consumo maior do que o tradicional.

O que pode ser feito, é combinar alguns desses alimentos afrodisíacos, esperando-se aumentar ou acelerar o efeito no organismo.
No geral, os alimentos considerados afrodisíacos atuam no organismo muito além de elevar o apetite sexual quem os consome.

Alimentos afrodisiacos

São benéficos

Para pessoas que já possuam algum problema circulatório, esses alimentos parecerão ter um efeito maior ou mais acelerado. Isso teve-se ao fato de que esses alimentos, em sua maioria, atuam melhorando o fluxo sanguíneo para os vasos genitais.

Desta forma, a sensação que ele funcionou mais rápido é ligeiramente associada. Como a maioria dos alimentos são naturais, independente de aumentar o apetite sexual, eles podem sim ser inseridos sodium sua rotina alimentar.

O que pode-se afirmar é que os alimentos afrodisíacos tem sim indícios que aumentam o desejo sexual, e se tiverem seu consumo aliado a uma rotina alimentar saudável, serão ainda mais eficazes ao que se propõem.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.